Portugal, Alemanha, Europa

Translations

IB Monster Paradise… What a boilie!!!

Segunda-feira, Setembro 30, 2019, 04:39 | Sem comentários »

É fantástico quando tens no teu saco de pesca um boilie com o poder de num primeiro contacto deixar te completamente maluco com o seu aroma... Mas... O que dizer quando os começas a utilizar e esse boilie faz realmente a diferença? Quando ainda não conseguiste um resultado e ele o torna fácil? Quando as capturas se sucedem quase em simultâneo? Quando outros não funcionam e esse boilie faz acontecer?.... Isto foi o que me aconteceu com os boilies Imperial Baits Monster Paradise!

Nestes anos que levo a praticar Carp Fishing já tinha testado várias marcas, gamas, aromas.... Bons resultados... Pb's quebrados... Boas capturas... Mas havia algo que após 6 sessões de pesca me faltava numa barragem muito especial e conhecida em Portugal. A Albufeira da Boavista agora concessionada e gerida pela A.P.C.F. (Associação Portuguesa de Carp Fishing) a quem desde já agradeço todo o trabalho e dedicação á modalidade em Portugal, era um nó na minha garganta desde á 8 anos quando a visitei pela primeira vez... Desde aí foram 5 vezes sem qualquer captura, nos tempos em que se passavam 3 dias com 30 canas a pescarem nos 10 hectares e apenas surgia um peixe, peixe esse normalmente sempre acima da média em águas portuguesas.

Entretanto na minha 6 sessão consegui a primeira captura, uma espelhada com 10 kg. Mas foi a única numa sessão de 3 dias, e nessa altura já a Boavista tinha mudado bastante.... Viam-se mais peixes, capturavam se mais peixes, os lagostins eram menos e claro facilitavam a pesca... Os carpistas passaram a ser aos magotes para baterem os seus recordes... Talvez até desvirtuando um pouco o que deve ser a mentalidade carpista... A Boavista perdia a sua mística de barragem muito complicada! Mas para mim continuava a ser especial... E ainda não perdi o sonho de conseguir uma espelhada acima das duas dezenas de peso nas suas águas... Talvez agora com a IB tenha ficado mais fácil!

Sétima sessão na Boavista... Desta vez já com a gestão da A.P.C.F., Isso reduziu o número de carpistas e é claro, reduziu a pressão de pesca .... Claro que isto, nos faz sentir mais confortáveis, sem dezenas de canas espalhadas desordenadamente pelas margens da barragem. Talvez seja por o 7 ser o número da sorte... Talvez seja porque usei os boilies Monster Paradise.... Vou mais para a segunda!!! Dois dias instáveis, com muita chuva, vento, trovoadas, e no terceiro é último dia com sol a abrir e a fazer subir o termómetro.... Supunha que seria mais uma sessão difícil, enganei me!

Encontrei me com os meus colegas da equipa IB Portugal, António Dores e António Lopes, que já estavam a pescar desde o dia anterior. Quando cheguei o Dores (vou chamá-los pelos apelidos porque somos três “Antonios” na equipa) tinha acabado de bater o seu PB com uma espelhada lindíssima com 14,800kg. Que ainda tive o prazer de fotografar.

Dos três elementos da equipa o mais conhecedor dos boiles da IB é o Lopes, e disse me que estavam a utilizar Crawfish, Mega Krill e Monster Liver, com bons resultados... Ele já tinha tido peixes a bater nos dois dígitos e o Dores acabava de bater o seu PB... Mas com o impacto que trazia da minha última sessão de Entre Ribeiras quando usei apenas um punhado de boilies Monster Paradise, nem pensei duas vezes no que iria utilizar.... Era desta que quebrava a Boavista!!!

Material montado já com alguma chuva a cair, que até sabia bem pois o calor era algum... Optei por explorar 3 spots na zona mais profunda da albufeira que com a seca do verão tinha apenas 2,30mts e que apresentava algum lodo no fundo por isso utilizei nos dois locais onde isso sucedia um Snowman, um boilie Monster Paradise 20mm + Pop up Monster Paradise 16mm e o outro apenas diferia no Pop up, sendo este um Half and half do mesmo aroma. Na terceira cana mais encostada na margem oposta numa zona de fundo mais duro com alguma pedra coloquei no meu D rig 2 boilies de 20mm Monster Paradise. Todas as montagens foram passadas pelo dip Amino e de seguida demolhadas no gel Monster Paradise, criando verdadeiros ataques nucleares subaquáticos na atração das carpas.... Mais tarde viria a perceber que esta era realmente a chave para o sucesso, mas já vão perceber como. Todas as engodagens foram localizadas sobre as montagens, usando um mix de sementes que uso sempre (cânhamo e milho) preparadas 48h antes com 150ml. de dip Amino da IB com 2kg. de boilies Monster Paradise 20mm.

Às 16 horas tinha as três montagens na água... E passados 20 minutos... Magia!!! Em 20 minutos de pesca com IB Monster Paradise igualava o que havia conseguido fazer em 6 sessões anteriores.... Pensei... Ahh isto foi sorte, a carpa por certo ia a passar e calhou encontrar os dois boiles do meu anzol... Nada disso... A sorte foi pura coincidência... Porque passados 10 minutos da devolução da primeira carpa, apitava outro alarme!!! Desta feita a vítima sucumbiu ao Snowman Monster Paradise com o Pop Up half and half!!! Nem o forte cheiro do lodo do fundo da barragem conseguiu suprimir o odor a alho e especiarias destes Monster Paradise!!! Era mais uma bonita espelhada muito perto dos 10kg!

Durante a noite as capturas foram-se somando, embora o peso médio das capturas tivesse diminuído um pouco... Mas foi sem dúvida um festival de peixes. A chuva era agora uma constante e continuaria até á noite seguinte, acompanhada de vento forte que obrigava as águas da Boavista a ondular.

Até ao entardecer contava já com 14 peixes no tapete. Tendo pelo meio batido o meu PB da Boavista, com recurso um D rig com 2 boilies de 24mm IB Monster Paradise com Amino Dip IB e Gel Monster Paradise. Aumentar o tamanho dos boilies revelou-se fundamental para manter o bom tamanho das capturas, assim consegui este bonito macho com 12,100kg.

Para a última noite decidi voltar aos boilies de 20mm e aos snowman's, e testei os Monster Paradise sem o dip e o gel... Na tentativa de reduzir a atração para evitar os peixes de menor tamanho.... Revelou-se uma má decisão.... Deveria ter optado por boilies de tamanho superior e manter o dip e gel... A noite passou em claro apenas com 2 ou 3 bip's sem seguimento. Estamos sempre a aprender!!!

O último dia amanheceu sem chuva e com o sol a brilhar no horizonte! Percebendo o meu erro e sem sinal de peixes nos spots, apostei novamente no Amino dip e no Gel Monster Paradise... E BINGO!!! Passados uns 30 minutos os Delkim voltaram a tocar.... Foram 6 capturas com intervalos de mais ou menos 15 minutos cada.... Foram 2 horas loucas numa sequência frenética que culminou com um bonito doble!!! Uma vez mais algo que os IB Monster Paradise me proporcionaram pela primeira vez!!! Não tinha mãos a medir.... Acabei por almoçar cedo para fazer o regresso a casa cedo e deixei apenas uma cana a pescar, pois de outra forma não seria possível terminar a refeição.... Dei por terminada a sessão ao meio dia... E que sessão esta!!!

A eficácia e poder de atração destes boilies é realmente fantástica, o forte odor a alho e especiarias combinado com a cor esverdeada do gel Monster Paradise deixa os peixes loucos criando uma atividade enorme debaixo de água! A reter para a próxima sessão na Boavista será usar boilies de 24mm e adicionar alguns de 30mm que a IB tem na gama de Monster Paradise e que combinados com os dip's e gel conseguirão balançar a atração e a seleção dos maiores exemplares!

Entretanto os IB Monster Paradise irão fazer mais vítimas a outro lago português, Entre-Ribeiras. Espero visitar esse lago nos meses mais frios, onde tenho o meu PB e claro espero batê-lo com a ajuda da IB!!!!

Até lá!!!

António Pires Membro da Equipa Imperial Baits Portugal

Orlando Dores, primeira sessão com Imperial Baits

Para muitos pescadores o Outono é tão esperado para a pesca como a chuva para os agricultores!

 Novato neste mundo, tinha consciência que tinha aceitado um grande desafio ao me ser proposto representar a marca alemã Imperial Baits de Max Nollert ao ingressar na Team Imperial-Baits.pt.

Consciente que seria fácil ter sucesso usando seus iscos, pela sua qualidade e seus aromas serem de extrema qualidade comprovada ao longo dos anos com capturas sem fim por toda a Europa.

A ZPL da boavista, local cujo a concessão pertence a associação portuguesa de carp fishing, a qual deixo desde já a minha palavra de apreço por zelarem por este pequeno paraíso, foi o local escolhido para o início desta aventura e que aventura esta…

Parti com o António Lopes, bem cedo, fomos trocando ideias por o caminho e delineando a tática para se atingir o sucesso.

Chegando ao local, analisamos o nível de água que estava abaixo do esperado, e escolhemos o que nos parecia melhor, montamos biwys.

Canas e respetivos adereços e vamos lá então sondar, usamos o iBoat 210, rápido e muito operacional, tem espaço interior suficiente para colocar o balde de engodagem, tapete de receção, bateria e eco sonda.

Encontrado as profundidades pretendidas, foi altura de engodar, e para o efeito usei IB Amino Pellets de 15mm, 4mm e bolas cortadas e inteiras de IB Crawfish Black & White 16mm. Como aditivo usei IB In-Liquid 40mg/kg, IB Amino Dip 30mg/kg e IB Intense Fish Oil 20ml/kg.

Minha aposta no isco como não poderia deixar de ser IB Crawfish Black & White, uma bola de duas cores, castanho e branco, criado com os melhores ingredientes IB Carptrack, contém Fishmeal, Carptrack Add Fat, Proteín Concentrade, Fígado de Lula, uma porção de 27% Lagostim, Aroma de Lagostim e de Caranguejo, uma combinação explosiva, a qual isquei com uma bola de 24mm branca na primeira cana, na segunda uma bola 24mm castanha e um milho artificial, e noutra um boneco de neve bola de 24mm e uma pop up de 16mm.

Demorou apenas cerca de 4 horas para ter o primeiro arranque, e consigo trazer ao tapete uma bonita espelhada, com 9,100kg.

Até ao final do dia mais 2 peixes ao tapete, com a média de peso a rondar os 9 kilos.

Por volta das 04:00 da manhã os sensores tocam como não houvesse amanhã corri a pensar que vinha de lá o tão esperado PB, mas apenas era uma pequena Royal com 4,700kg, cheia de vida e força….

Aproveitei e lancei uma bolas de IB Crawfish Black & White 16mm com o tubo, com o intuito de manter comida no pesqueiro. Ao levantar do dia, canas para fora, verificar iscos, reposição das canas e vamos tomar o pequeno almoço, lançar mais umas bolas e o tal bip que todos nós ambicionamos ouvir não demorou a tocar, e lá vou eu para mais uma luta, e que luta está meu Deus, o meu colega António Lopes dizia calma meu menino que tens aí o teu PB, recolhia 2mts de fio ela levava 10mts

Eu começava a pensar, calma ele talvez tenha razão, vem aí o tão esperado "PB", porra Lopes já me podias ter dito que estás bolas eram o segredo para o sucesso, respirei fundo ignorei as dores de braços e passados alguns minutos vem ao de cimo aquele "cachaço"

Aí pensei é desta que o tão esperado PB, foi desta que acertei no isco, todo eu tremia, e só dizia Lopes até mereces um beijo🤣…Peixe ao tapete respetiva foto

Colocação do antisséptico da Carp´R´Us

Peixe devolvido ao seu habitat.

Reposição do isco, mais um lançamento, mais um biiip, e mais uma luta (que força tem estes peixes da Albufeira da Boavista), e mais um exemplar com 12,300kg

Aí pensei estes iscos são surriais, era a enorme a felicidade nos rostos dos meus colegas António Lopes e António Pires ao verem os meus PB a serem batidos, e isto é carp fishing, é união, amizade e companheirismo e a eles muito tenho a agradecer estas capturas, que muito vos devo a vós.

Após 48horas de pesca e PB batidos, e com a chega de peixe de porte mais pequeno à chegar ao pesqueiro optei por colocar 2 bolas de 24mm embebidas no IB Crawfish Amino Dip e IB Amino Gel afim de selecionar mais os peixes pretendidos.

Feito isto poucos foram já os peixes que vieram ao tapete, visto que selecionando o tamanho pretendido, mas cheguei ao fim desta sessão de sorriso rasgado e satisfeito por ter a meu lado os melhores parceiros de pesca e os melhores iscos do mundo sem margem de dúvidas.

Nesta sessão as montagens que usei foram as D'rig com fluorocarbono, anzóis número 4 e mouthaligenrs da Carp´R´Us.

Já tenho delineada a próxima sessão de pesca, vamos ver como corre…😉

Carnaval 2020

Não, não foi brincadeira…

Foi uma sessão alucinante! Nas primeiras 24 horas 15 picadas e 15 capturas, seguiram-se 4 peixes perdidos e porquê? Esgotado fisicamente, não conseguia mais!

Antes da sessão

·         Em casa, comecei por preparar os empates com os anzóis Carp´R´Us Centurium 2000 nº2 e nº4, fio Carp´R´Us Clearwater Fluorocarbon 25lb, e os , de facto são uma mais valia pois dão a curva ideal para uma ferragem eficaz.

·         Na véspera, preparei cerca de 5kgs de IB Amino Pellets 15 e 20mm mais boilies IB Monster-Liver 16,20 e 24mm. Misturei tudo com o aditivo IB InLiquid e IB Amino Complex e ainda um pouco de IB Fish Oil. Agitei tudo muito bem para de seguida colocar os aditivos em pó: IB Protein Concentrade, Squid-Liver e Add Fat.

·         Preparei 6 hookbaits: boilies Monster-Liver 24mm que envolvi em Powder Past, ficando um hookbait superior a 30mm. Por fora, adicionei IB GLM Full Fat e IB InP. Deixei a repousar num recipiente bem fechado.

Estratégia

·         Em casa, observei atentamente as fotos que fiz o ano passado quando o lago esteve com capacidade reduzida. Sabia exatamente onde queria localizar as minhas montagens. Recorri também ao Google Earth para analisar as distâncias e imagens históricas. Como sempre, gosto de acompanhar o estado do tempo nos dias que antecedem as minhas sessões, principalmente as direções do vento.

Dia 1

·         Partida de casa rumo ao lago pouco antes das 6:00am…seguiu-se uma viagem de 2:20h. Começamos por montar as tendas e de seguida todo material…

·         Subi para o meu iBoat 210, ia utilizar pela primeira vez com a bateria Rebelcell 50Ah, desloquei-me aos pontos que identifiquei em casa como “hot spot”. Encontrei várias profundidades no local onde estava, sendo que a máxima era de 5,8 metros.

Definir os “Hot Spots”

1.       Primeiro marcador num recanto abrigado do vento, a 1.8mt de profundidade, 170 metros distância

2.       Segundo marcador, num “bico” a 1,6mt de profundidade com gravilha no fundo, 140 metros distância

3.       Terceiro marcador, a 220 metros num local com pequenas rochas no fundo a 2,2mt de profundidade

Após colocar os marcadores, foi buscar a engodagem que tinha preparado em casa no dia anterior, coloquei as canas uma a uma, e recolhi os marcadores.

14:05pm - primeira picada, a primeira captura! Seguiram-se mais 6 capturas entre aos 4.5 e os 9.7kg…

18:00pm – uma picada normal, peguei na cana, recolhi a até aos últimos 15 metros tudo parecia normal! No entanto, algo começou a ser estranho quando esta carpa não subia á superfície, nadava rente ao fundo e não me deixava traze-la á tona da água…nestes últimos metros travou-se uma luta intensa até que a carpa acabou por ceder e vir á superfície e entrar no camaroeiro! UAUUUU, uma enorme carpa, lindíssima e muito saudável! Manuseada com o máximo cuidado, foi pesada pela Reuben Heaton onde marcou peso liquido 20.3kg!

A primeira “Big One” da época 2020!  

Estava feliz, no dia 21 fevereiro de 2019, precisamente 1 ano e dia após a minha primeira carpa acima da mítica barreira dos 20kg, e atualmente o meu PB (21.5kg), consigo outra captura acima dos 20kg! Melhor não podia imaginar!!!

A sessão estava alucinante, em pouco tempo 7 picadas e esta magnifica carpa de 20.3kg!

Seguiram-me mais capturas pela noite dentro…

Dia 2

A noite tinha produzido boas capturas, durante o amanhecer manteve-se e quando fiz 24h de pesca levava já 15 picadas, 15 capturas! Mas estava exausto! Perdi depois 4 carpas seguidas, tive mesmo que tirar as canas da água, descansar um pouco e alimentar-me devidamente…

O ritmo estava imposto

Com a ajuda do iBoat deixava a montagem cuidadosamente localizada. Um pequeno pva acompanhava o hookbait e deixava 2 pás de comida…regresso ao posto, e algum tempo depois biiiipppp

Despois de almoço, nova abordagem

Diz-se que em equipa que ganha não se mexe… mas não foi o caso!

Um dos objetivos da sessão estava alcançado, tinha bastante tempo pela frente e havia que tentar selecionar melhor as picadas… fisicamente não podia aguentar este ritmo de pesca, os peixes eram de bom tamanho, mas a saírem bastante longe, tinha que mudar algo… queria menos peixe, mas maiores.

Alterações

Afastei um pouco as montagens dos “hot spots”, aumentei a distância do “cabelo” em relação ao anzol, tentei que o peixe mais pequeno quando pegasse no isco não ficasse ferrado. Uma estratégia de sucesso usada por alguns carpistas na europa.

Resultado

Reduzi o numero de picadas mas o lote peixe aumentou, fiz 5 capturas após esta alteração.

Dia 3

Um belo dia de sol e com uma temperatura bastante amena para a época do ano. Foi possível começar a assistir ás primeiras carpas a deslocarem-se para as margens com vegetação como que a verificar os locais para a desova nos meses seguintes. As picadas reduziram…foi um dia bastante calmo, apenas 3 capturas, mas de bom tamanho!

Dia 4

O tempo deu uma reviravolta! Bastante humidade no ar, o vento soprou toda noite e nem uma picada tivemos… era tempo de arrumar e regressar a casa!

Balanço final: 23 capturas, 201.8kg , média 8.77kg

Nesta sessão:

Mix Engodagem

 Imperial Baits Amino Pellets 15 e 20mm – 12kg, Imperial Baits Monster-Liver 24mm – 5kg, Imperial Baits Monster-Liver Cold Water 20mm – 2kg, Imperial Baits Monster-Liver Cold Water 16mm – 2kg, Imperial Baits Big Fish 16mm – 1kg

Aditivos

Líquidos: Imperial Baits In-Liquid, Imperial Baits Amino Complex

Farinhas: Imperial Baits Protein Concentrade, Imperial Baits Squid-Liver, Imperial Baits Add Fat, Imperial Baits Powder, Imperial Baits Amino Complex, Imperial Baits Liver, Imperial Baits GLM Full Fat

Hookbaits

Imperial Baits Monster-Liver 24mm + Powder Paste + GLM Full Fat ou InP

Imperial Baits Big Fish 30mm

Imperial Baits Monster Liver 24mm + Flavour Frankfurt Saussage

Imperial Baits Monster Liver 20mm + Imperial Baits Monster Liver Amino Dip + GLM Full Fat

PVA´s

45 Pva´s gastos: Imperial Baits Amino Pellets 4mm, 15, 20 mm; Imperial Baits Big Fish 16mm, Imperial Baits Crawfish 16mm

António Lopes Nunes, We Love to Fish!